4 maneiras de manter a rede de computadores da empresa segura

Como manter a rede de computadores da empresa segura? Além das boas práticas dos usuários, a organização pode fazer algumas ações que diminuam os riscos. 

Manter a rede de computadores da empresa segura é um grande desafio. Afinal, com tantos funcionários e dispositivos acessando a rede a todo momento, é complexo controlar os acessos. E, assim, impedir que dados sensíveis vazem ou ataques cibernéticos aconteçam. 

O propósito de implementar uma segurança na rede da organização é combinar diferentes formas de defesa para proteger as conexões e dados. A fim de preservar a integridade, confidencialidade e disponibilidade da informação. Assim, as boas práticas devem ser aplicadas tanto nos hardwares quanto nos softwares para aumentar a segurança. 

4 maneiras de manter a rede de computadores da empresa segura

Somente no segundo trimestre de 2021, o Brasil teve 465,5 milhões de registros vazados segundo o Relatório de Vazamento de Dados no Brasil, elaborado pela Axur. Ou seja, o relatório mostra como é importante reforçar a segurança. 

Por isso, além das dicas mais básicas, como a criação de senhas fortes e a guarda correta desses dados, é preciso também monitorar os acessos, utilizar antivírus e antimalwares, criar um plano de ação em caso de vazamento de dados, entre outras ações. Confira. 

1 – Faça treinamentos constantes com os funcionários 

O primeiro passo para manter a rede de computadores da empresa segura é realizar treinamentos periódicos com os funcionários.  Fale sobre as boas práticas de segurança e explique os riscos que a empresa e o colaborador correm em caso de vazamentos. 

Dessa forma, esses treinamentos podem ser realizados quando o funcionário entra na empresa e depois de seis em seis meses ou quando uma nova política de segurança for desenvolvida. Assim, para os treinamentos, é importante que algum gestor da área de T.I guie a apresentação, explicando todos os pontos e tirando as possíveis dúvidas. 

2 – Faça controle de acesso entre os funcionários 

Uma empresa tem acesso a informações confidenciais e dados sensíveis tanto dos colaboradores quanto dos seus clientes. Por isso, é importante que a área de T.I realize controle de acessos, para que determinados cargos tenham acesso apenas às informações necessárias para o seu trabalho. 

De maneira prática, é possível restringir o acesso de pastas e arquivos no drive. Também é importante controlar a permissão de ações no computador da empresa, como controle de permissão de instalação de software, para que a máquina não sofra ameaças com softwares suspeitos instalados.

3 – Utilize VPN de empresa

A rede privada virtual ou Virtual Private Network (VPN) é uma rede de comunicações privada construída sobre uma rede de comunicações pública. Assim, uma VPN de empresa é uma solução personalizada que pode ser criada pela equipe de TI da organização. 

Essa rede permite que a empresa minimize o risco potencial de vazamento de dados. A sua principal vantagem é uma conexão totalmente segura à intranet e ao servidor da empresa. Mesmo que ela seja usar por funcionários que trabalham fora da empresa usando sua própria conexão de internet.

4 – Utilize o fSense para monitorar os acessos

Além dessas alternativas, utilizar um software de monitoramento também complementa as ações de segurança. O fSense é um sistema de monitoramento em nuvem que coleta informações sobre as atividades dos usuários em suas estações de trabalho. 

A partir da instalação do agente desktop do fSense, os dados sobre o comportamento de cada um de seus colaboradores são centralizados em um dashboard único. Assim, o recurso facilita que o gestor analise os sites acessados, conteúdos baixados, aumentando o compliance da empresa e evitando vazamento de dados.

Se você gostou do conteúdo e quer entender melhor como o nosso sistema ajuda na segurança da rede de computadores, leia o conteúdo no blog. 

Depois, siga-nos no LinkedIn.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.